01 novembro 2011

Enfim...férias

...mas e ai?

Ok, depois de alguns meses de puro stress no trampo, assunto que até evito falar nesse meu blog de cunho pessoal, começo hoje um período de férias. Merecidas? Com certeza.

Mas diante de tantas coisas, boas, ruins...me decido por não começar como deveria. Decido tirar o primeiro dia pra refletir, programar...nada de planejar. Ouvir músicas que nunca ouvi, ler textos que não leria. Falar com pessoas que há tempos não falava.

Descansar, meditar, hibernar...não sinto fome em casa. Muito estranho. A TV está desligada, os livros empoeirados tão ali ao alcance de um esticar de braços. Resolvo fuçar no PC e achar coisas que não queria relembrar, alegrias que poderia reavivar. E me permito não me permitir mais nada.

Talvez seja só esse dia. Friozinho na terra da garoa. Talvez quando o sol sair eu me arrisque também.

Nada emblemático, mas amanhã é dia de Finados. Uma oração pro meu velho e um zumbi vai sair da toca. The Walking Dead feellings? Ou quem sabe daqui a pouco. Uma coisa é certa: a inspiração que vem de dentro pra fora tá em alta.
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: