03 novembro 2011

Só alguns minutos...

...foi o que acordei comigo mesmo.
Só alguns minutos para ficar quieto e ouvir...
Mas ouvir o que mesmo?

Ouvir talvez o chocalho chato, mas com som tão gostoso, da vizinha.
Ouvir o muleques andando de skate lá na rua.
Ouvir os carros que passam...um Uno...um Gol...

Ouvir os cachorros latindo.
Ouvir o carteiro gritando "Correeeeiooosss!"
Ouvir os pássaros cantando (acho que vem da rua debaixo).

Só alguns minutos...

...foi o que acordei comigo mesmo
Só alguns minutos para cessar o som que tocava alto.
Me permitindo ouvir somente o som da minha respiração
E o barulho constante do teclado...
...dando vida a essas palavras que saem daqui de dentro agora.

Uma pequena interrupção...nem um pouco desagradável.

Mas ai me permito de novo, ficar quieto
.................................................................................................
.................................................................................................
Volto.

E ao voltar, percebo que o silêncio é cada vez mais profundo
Parece até que grita pedindo atenção.
Depois de meses de tanto barulho...o reencontro.
Seja bem-vindo de volta meu velho amigo.
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: