10 julho 2012

Pra madrugada...

Na madrugada...

...um texto onde tenho quase certeza que ninguém vai ler. Uma texto onde vou falar um pouco sobre o dia de hoje, de ontem. Falar um pouco sobre as mudanças.

Tenho falado sempre que mudanças são necessárias e etc e tal. O mais engraçado é que quando a mudança vem, o medo não é tão grande assim. Afinal de contas essa é a graça da vida certo? É já falei disso, milhares já falaram disso e continuarão falando disso.

Revi e-mails antigos hoje...aqueles que você acha que vai guardar pra sempre. Revi fotos antigas hoje...aquelas que você pensa em emoldurar e deixar a mostra a todos. Reli palavras que foram muito sinceras (outras nem tanto). E cheguei a conclusão de que nada na vida é certo.

Já havia chegado a essa conclusão antes. Quando um novo ciclo se fechava e outra se iniciava. É tão natural quanto dormir e acordar...a mudança humana. É quase uma necessidade.

Dei risada, pensei, até bateu uma leve nostalgia. Mas morreu. Terminou. Teve fim algo que foi tido como eterno. É muito irônica essa busca pelo eterno que o ser humano tem né? Porque se nós mesmos não duramos pra sempre.

A falsa sensação de segurança.

Mas mesmo assim, ainda nos seguramos no que é efêmero. Ou não. A gratidão pelas risadas, lições aprendidas. Pelos momentos sinceros, pelas brigas. TUDO é válido. E deixo em caps lock o tudo porque realmente, vendo agora tudo com mais calma...é essa a sensação que tenho.

Que seja eterno enquanto dure?

Pena que nunca dura pra sempre. Mas se um momento, uma fase, se esse algo durasse pra sempre, o que aconteceriam com as outras oportunidades que poderíamos ter? Ai é que a cabeça dá um nó mesmo...e pra ficar mais louco do que já somos. Mais louco que já sou.

No final das contas, fica o saldo mais do que positivo. E a certeza de que nada é em vão.

Ah os e-mails...todos excluídos. As fotos todas deletadas. As palavras apagadas. Mas a memória...essa (tirando os momentos de porre) está intacta, obrigado por perguntar.
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: