14 agosto 2013

Quarto Escuro





Essa pessoa sentada no quarto escuro não grita.
O mundo lá fora não vai escutar mesmo.
É inútil jogar fora a si mesmo.
As tentativas frustadas continuarão frustando o ego
Ego, vaidade, humano

Essa pessoa em pé lá fora é nada mais que a sombra
O mundo aqui dentro é pequeno e frio.
Talvez seja necessário alguns auto-flagelos.
As tentativas acertas nunca serão mais as mesmas
Coração, pensamento, alma

As perguntas sem respostas já não foram respondidas?
As respostas sem perguntas já não foram ditas?

O que vai volta e o que volta, vale a pena?

Essa pessoa sentada no quarto escuro não enxerga.
O mundo lá fora não vai ver a janela
Por onde a luz entra e penetra, ilumina e traz vida.
A verdade é uma só...
...assim como a mudança é permanente.

E no final de tudo...um interruptor destrói o título de um post sem sentido.
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: