31 dezembro 2013

Ano Velho, Ano Novo

É engraçado...
...parece que quanto mais velho fico, mais perde-se a magia que o encanto de um novo ano tem. A festa, a bagunça, parece que tudo perde o sentido e entra o momento para reflexão...retrospectiva de tudo o que rolou nesse ano que se encerra.

Ei, pera ae, não pense que não festejo, que não celebro ter sobrevivido mais um ano. Só que algo mudou, sei lá. Afinal de contas, o que é o ano novo além de mais um ciclo que se fecha? Esperança, vontades, sonhos, planos...aprendi que esses se renovam diariamente. Só depende de nós.

Sim, que o Ano Novo traga tudo de bom, ainda mais tudo de bom que venho vivendo nas últimas semanas.

Aprender que na vida perdemos e ganhamos com a mesma intensidade é algo que 2013 me ensinou.

E me arrependo só do que não fiz.

Deixando de lado tudo de ruim, limpando a estrada para que possa seguir meu caminho e olhar o que está vindo pela frente.

Agradeço pelas lições, algumas muito duras, mas sobrevivi...e agora, mais 365 oportunidades de correr atrás daquilo que todos nós queremos: sermos felizes.

Feliz Ano Novo e nos vemos em 2014!
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: