04 janeiro 2014

E De Repente...

E de repente tudo volta a ter sentido.
A vida volta a ter sentido.
E de repente tudo encontra seu lugar

Um ano novo, um tênis novo
Um coração novo, um sonho novo.
Um celular novo, um trabalho novo...não esse é o mesmo.

E de repente tudo volta a ter sentido
A vida volta ao curso que aquele menino de 12 anos sempre sonhou.
E de repente tudo encontra o nada.

Afinal de contas, aprendi que tudo não foi mentiroso.
As coisas mudam, as pessoas mudam, sentimentos mudam.
E de repente sonhos mudam, objetivos, planos mudam.

Aceitar, entender, compreender e então, manter só o que faz bem.

O garoto de 12 anos finalmente cresce e entende o que é ser adulto.
Lidar com problemas, perdas, idas e vindas, diferenças.
O garoto de 12 anos finalmente consegue enxergar e lidar com o ser adulto.
Lidar com decisões, escolhas, caminhos e atalhos, palavras.

E de repente...
...um ano novo, uma nova dia, um novo garoto de 12 anos.

Olha o sol nascendo de novo.
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: