04 maio 2015

O Melhor Amigo da Noiva

Estranho assistir a um filme romântico...
...quando a sua ideia de romantismo está meio nebulosa e distorcida. Acho que como Ted Mosby falou em um episódio da quarta temporada de How I Met Your Mother (um dia falo dela aqui), às vezes o destino nos prega peças engraçadas.

Antes de qualquer coisa, gostaria de falar sobre Patrick Dempsey. Sério que não consigo entender como o cara consegue mandar tão bem nesses filmes de comédia e insiste em um papel tão chato e sem graça como o que ele faz em Grey's Anatomy (sim, fanboy, antes que me julgue eu assisti a série sim), mais conhecida como a série mais chata de todos os tempos! Desabafo feito, vamos em frente.

A premissa de "O Melhor Amigo da Noiva", parte do momento em que os nossos protagonistas se conhecem. Ambiente universitário, um erro de calculo e foi assim que Tom e Hannah viram melhores amigos. Mas poderia muito bem ser resumida como uma versão versão "masculina" de "O Casamento do Meu Melhor Amigo" (sim aquele com a Julia Roberts). Mas vamos nos apegar no destino.

Salto no tempo, 10 anos depois, os amigos de faculdade são o casal perfeito, mesmo sem serem um casal. Sério, você que está lendo isso conhece essa história. Tom é o mulherengo cheio de regras e cheio de si, com a certeza de que nunca irá se apaixonar. Rico, boa pinta, evita ao máximo relacionamentos, com exceção dos seus amigos e Hannah (Michelle Monaghan), totalmente oposto, é uma mulher romântica, linda, meiga e inteligente e que sonha em encontrar o cara perfeito.

Desde os tempos de faculdade, os dois não se desgrudam e passam quase todo o tempo livre juntos. O que faz com o que o entrosamento entre eles seja inevitável. Até que uma viagem de seis semanas para a Escócia, em meio as tentativas frustadas de contato, fazem com que alguns sentimentos escondidos por Tom venham a tona.

O noivado de Hannah é um estopim que explode os sentimentos, até então platônicos, e o convite para que ele fosse a "madrinha" de honra da melhor amiga, nos remete ao filme já citado, daquela atriz famosa.
Todos já sabemos o final dessa história. E mais do que uma comêdia romântica, o filme mostra o amadurecimento um pouco tardio que algumas pessoas tem. Infelizmente parece que só depois que perdem, é que dão valor. E esse lugar comum  é que move a história. Os amigos, o pai que se casou seis vezes e a sua própria consciência o fazem perceber que essa vida de solteiro e farra teria que acabar um dia e que deveria lutar pela única pessoa que amou.

É você já sabe o final. Mas mesmo assim, não é algo descartável. O filme arranca algumas risadas e diverte. E traz de volta aquela sensação de que os finais felizes são possíveis...mesmo para aqueles que sentem não merecer um.

Trailer:


Ficha Técnica
O Melhor Amigo da Noiva (Made Of Honor) - 2008 - 101 min. - EUA/Reino Unido - Comédia/Romance
Direção: Paul Weiland
Roteiro: Adam Sztykiel (história), Deborah Kaplan, Harry Elfont
Elenco: Patrick Dempsey, Michelle Monaghan, Kevin McKidd, Kathleen Quinlan, Sydney Pollack, Chris Messina
Site Oficial: http://www.imdb.com/title/tt0866439/
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: