14 julho 2015

O Exterminador do Futuro: Gênesis

Me lembro bem quando vi o segundo filme da série...
...e como O Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final (1991)) me faz lembrar o quão divertido era um filme de ação. Ok, na época não tinha o mesmo senso crítico e talvez seja por isso que o filme marcou tanto.

Resolvi então, alguns anos depois, rever o filme (fora da inúmeras reprises da TV) e o tempo me provou que o filme é mesmo sensacional! O roteiro maluco, as atuações canastronas, a trilha sonora do Guns...parece que tudo ali estava predestinado a ser tornar clássico. E é o que esse filme é.

O primeiro filme (O Exterminador do Futuro (1984)), vi depois do segundo, só pra entender também que o filme é ótimo, muito melhor do que muitos filmes de ação recentes.
Sobre o terceiro filme (O Exterminador do Futuro 3 - A Rebelião das Máquinas (2003)), é até triste de lembrar. E sobre o quarto (O Exterminador do Futuro: A Salvação (2009))...é um filme bacana, mas totalmente destoante do que a franquia se propõe.

E ai, na onda dos reboots que estão assolando Hollywood, vemos o nascimento de "O Exterminador do Futuro: Gênesis".

E sobre o filme, posso dizer que ele pode e deve ser visto de uma única maneira: sem compromisso.

Tente ignorar as explicações de linhas temporais, de viagens no tempo e de Schwarzenegger manjando de física quântica. É sério, faça isso e o filme vai ser bastante divertido. Mas se tentar entender as explicações feitas pelo nosso querido T-800, a coisa vai ficar feia.
O filme mostra o momento da linha do tempo em que John Connor (Jason Clarke) manda de volta Kyle Reese (Jai Courtney, que sempre vai me lembrar o Sam Worthington...rs) ao ano de 1984 para impedir que a Skynet mude o futuro. Sim, essa parte da história já conhecemos. Só que ao chegar lá, Reese se depara com uma Sarah Connor (Emilia Clarke, uma gracinha de menina) bem diferente!

T-800 voltou no tempo bem antes dos acontecimentos do primeiro filme, quando Sarah era criança, e assim, ela cresceu já sabendo de toda a história que também já sabemos. Temos aqui uma das maiores referências ao segundo filme, já que a relação paternal do exterminador era com John, agora é com Sarah que inclusive, o chama de "Papi".

Daí, partem os três para acabar de vez com os planos da Skynet...que também mudou de certa forma. Pronto, se apegue a isso para que o filme funcione. Se apegue as homenagens aos primeiros filmes da série, se apegue ao humor que aparece no filme dessa vez de forma convincente. E se apegue as cenas de ação, que tendo vista que o diretor Alan Taylor não é nenhum James Cameron, não ofendem ninguém.
Ok, com exceção de uma que pareceu...bem amadora por assim dizer, mas (quase) não compromete o filme.

Talvez o maior erro do filme tenha sido antes mesmo de seu lançamento, com o MEGA spoiler sobre o seu enredo, que talvez funcionasse de forma mais impactante se tivesse sido descoberto naturalmente por quem assiste.

Com uma cena pós-créditos que segue a regra "didática" desse episódio, Gênesis teria tudo pra entrar no hall dos filmes fodas da franquia. Acabou sendo melhor que o terceiro. E ganha por pouco do quarto, já que quase se perde em sua estranha forma de contar uma história que poderia ser mais fluída. E claro, que ver Arnold Schwarzenegger velho, mas não obsoleto, vale a audiência.
Vale destacar também que o restante do elenco principal não manda mal. Emilia Clarke e Jai Courtney convencem em seus pais e até mesmo Jason Clarke como um John Connor totalmente diferente do que conhecemos (e que em certo momento lembra o personagem mostrado em "Salvação"). E também a participação de J.K Simmons, como um policial veterano que ajuda o casal durante o filme.

Espero que, já que a sequência está anunciada, os foco do filme se lembre do que fez o segundo filme ser o clássico que é: contar o complicado através do simples.

TRAILER (sem o spoiler, claro)


FICHA TÉCNICA
O Exterminador do Futuro: Gênesis (Terminator: Genisys) - 2015 - 126 min. - EUA - Ação/Ficção Científica
Direção: Alan Taylor
Roteiro: Laeta Kalogridis, Patrick Lussier
Elenco: Arnold Schwarzenegger, Emilia Clarke, Jason Clarke, Jai Courtney, Dayo Okeniyi, Byung-hun Lee, J. K. Simmons, Matt Smith
Site Oficial: http://www.terminatorgenisys.com.br/



Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: