25 janeiro 2016

Sobre Merdas e Falsas Liberdades

Venho pensando há tempos em fazer uma carta, tipo uma que vi o Marshall fazendo em algum episódio da série How I Met Your Mother. No episódio, ele, por volta dos 30 anos já, escreve uma carta que será lida pelo Marshall de dali 30 anos.

E nessa carta, consistem algumas coisas que me fizeram ter a certeza de que mais do que nunca, chegou não só o momento de eu fazer essa tal carta para mim mesmo, mas também de mudar algumas coisas que já deveriam ter mudado há tempos.

Mas é fato que demora-se pra admitir os próprios erros. Mais ainda quando esses erros sabotam a si mesmo.

E depois de alguns tropeços em meio a alguns acertos, a gente percebe que a maior DR (ou discutir a relação para quem não conhece o termo) da sua vida é aquela consigo mesmo.

Então esse post vai ser mais do que nunca pra esse cara que escreve esse blog e que o aniversário de São Paulo, essa metrópole aparentemente cinza e vazia, sirva de inspiração para mostrar que a beleza, a ternura e o amor existem nesse lugar e que ele tem muito mais a oferecer...assim como você...idiota:

- Espero que tenha não se sinta mais o patinho feio só porque tomou alguns foras. Olhe para as mulheres que passaram na sua vida. Não aquelas de uma noite, mas aquelas que te fizeram perder o fôlego...não valeram a pena?

- Espero que não sinta vergonha de amar. Espero que não dê bola para esses filhos da puta sem coração que acham que ser romântico não vale de nada! Espero que continue sendo o mesmo garoto sonhador que foi a quase 20 anos atrás. Ele ainda vai ser muito feliz...estarei aqui pra provar isso.

- Espero que tenham voltado a estudar, mesmo que já tenha estudado demais. Não é só dinheiro seu idiota! É cultura, conhecimento...não é por isso que você vive sonhando? Só sonham aquelas pessoas que realmente tem algo em mente e o estudo, impulsiona eles.

- Espero que não continue bebendo igual um bocó. Você já não superou os problemas com relação ao que era ruim? Beber pra ficar mais alegre e mais feliz não vai fazer a noite mais legal seu burro! Não é essa a felicidade que você já tem. Beba porque gosta, porque é gostoso, mas que tudo demais, é veneno, como a vó dizia. Então, por favor, sobreviva até poder realizar com o seu filho, aquilo que você não conseguiu realizar com o seu pai...nem que seja com um suco de Laranja no Mc.

- Espero que tenha continuado a cuidar da sua saúde, porque mesmo fora do peso, você sempre fez isso. Logo, para ler esse texto daqui a alguns anos, precisa continuar fazendo isso, ok?

- Continue sendo esse cara educado e gentil. Continue perdoando, continue dizendo palavras de conforto e apoio a quem precisa e continue não esperando nada em troca...estarei aqui pra te provar que ela vai te mostra que valeu a pena.

- Continue amando música, continue tocando violão. Continue escrevendo, mesmo que pareçam que as palavras estão se repetindo...nunca é será ruim dizer "obrigado", "por favor" e "te amo".
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: