04 junho 2016

In Memorian | Muhammad Ali [1942-2016]

E o mundo, não só do esporte, acordou mais triste...
...pois uma das lendas viva do esporte acabou virando só lenda!

Cassius Clay, ou melhor dizendo, Muhammad Ali, considerado por todos que entendem do esporte como o maior boxeador de todos os tempos, perdeu a sua última luta. A poesia poderia muito bem traduzir de forma bela a vida desse homem que viveu sim, uma das histórias mais incríveis que esse mundo já viu.

De vencedor da medalha olímpica em Roma 1960, a campeão mundial dos pesos pesados, mais do que um esportista exemplar, não a toa eleito pela maior publicação de esportes, a Sports Illustrated, como o maior do século XX, em toda a sua dedicação ao esporte que amava, Ali sempre buscou lutar também fora dos ringues.

Vídeo com 10 nocautes incríveis de Ali:

Com um engajamento político sempre a frente de suas declarações, a luta de Ali também foi contra o Mal de Parkinson. Se tornou símbolo da cultura pop e enfrentou até mesmo o Superman (leia mais dessa história bacana aqui no Judão. Influenciou a criação de Apollo Creed, algoz de Rocky. Teve um filme sensacional feito por Michael Mann, em interpretação indicada ao Oscar de Will Smith.
Uma história incrível. A todos indico esse artigo do Papo Homem onde temos um texto bacana sobre essa incrível história. (clique aqui). Seu nome vai além do esporte. Ali era um personagem presente em todas as culturas. Exemplo de homem, atleta e ser humano.

Descanse em paz campeão!



Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: