18 junho 2012

Passado...passou...acabado.

Tirando um dia pra descansar
Tirando um dia pra pensar
Não havia percebido que tudo estava voltando
Não havia percebido que nada havia saído
Sim, tentei mentir pra mim mesmo.
Sim, tentei mentir para o mundo.
O medo de já ter perdido foi maior que tudo.
Me isolei dfe tudo, fugi de todos.
E ter isso de voltar trouxe a tona o que nunca havia sumido
E nesse pique-esconde de sentimentos...só mais dúvidas.
Não espero (e nem quero) que você entenda as besteiras feitas.
Se são só desculpas pra você...pra mim era fuga.
Se são só contradições pra mim...nem imagino o que seja pra você.
Mas se o que era dito só pra você
Agora esponho ao mundo:
Sim, te amo...mas esse foi meu jeito de seguir em frente
Mentindo pra mim mesmo
Mentindo para o mundo
Já que não tinha mais o combustível
Precisava começar de novo...
é bom ter você de volta...mesmo que nunca mais do mesmo jeito.
(boa sorte na sua vida...)
Feed
Assine o Feed do Desventuras para acompanhar o blog no seu agregador favorito, ou receba gratuitamente todos os posts por e-mail

Deixe o seu comentário: